Minhas dicas de Amsterdam

Post especial para Liege e para minha mãe!

Amsterdam é muito agradável e hospitaleira. A arquitetura adorável e os canais que serpenteiam a cidade são um charme a parte. O que mais chama atenção é a quantidade de bicicletas rodando nas ruas, a maioria muito velha! Eu, avessa a qualquer meio de transporte que tenha apenas duas rodas, confesso que tive que superar alguns medos para conseguir me locomover. Fica aqui a primeira e essencial dica: alugue uma bike para desbravar os recantos dessa bela cidade.

20130527-214401.jpg Achou a sua?

20130528-215444.jpg

A seguir o que considero um roteiro básico e sem stress para uns 3 ou 4 dias:

1. Ir ao Museu do Van Gogh: o museu surpreende pela modernidade arquitetônica e pela vasta coleção de obras do mais conhecido artista holandês. Reserve um tempo para umas comprinhas na ótima loja do museu.

20130528-215526.jpg

2. Tirar uma foto na Museumplein: é lá que está a famosa escultura pop a céu aberto “I Amsterdam”.

20130527-214547.jpg

3. Passear no Vondelpark: estacione a bike e circule pelo maior parque da cidade à pé. Boa pedida para um piquenique…

(Sugestão: fazer os itens 1, 2 e 3 no mesmo dia)

4. Visitar a Casa da Anne Frank: foi lá que ela, sua família e outros quatro judeus permaneceram escondidos durante a Segunda Guerra Mundial.

5. Fazer o tour pelos canais: oportunidade para desfrutar da bela arquitetura da cidade por outro ângulo – imperdível!

20130528-220002.jpg

6. Ir ao Bloemenmarkt (mercado de flores flutuante): se quer ver tulipas, vá na primavera (de março até maio).

20130528-215924.jpg

(Sugestão: fazer os itens 4, 5 e 6 no mesmo dia)

7. Visitar a fábrica da Heineken: a Heineken Experience promete agradar com muitas informações sobre a história e a produção da famosa cerveja holandesa. Reserve um tempo para escolher alguns presentes na loja, ao final do tour!

20130528-215742.jpg

8. Conhecer o Red Light District: de preferência não muito tarde da noite, quando a “barra começa a pesar”.

9. Conhecer uma sex shop: há várias espalhadas na cidade, vale a visita pela diversidade e criatividade dos aparatos.

10. Conhecer uma coffee shop: não, você não encontrará um bom expresso por aqui… Verifique as regras locais quanto ao eventual manuseio.

(Sugestão: fazer os itens 7, 8, 9 e 10 no mesmo dia)

Onde ficar? No Chic and Basic Amsterdam, simples e bem localizado.

20130528-220055.jpg

Para um jantar especial: Fifteen, filial do famoso restaurante do Jamie Oliver.

Quais as melhores dicas de Amsterdam? As dicas do Ducs!

Créditos das imagens: bemsortido

Anúncios

9 comentários sobre “Minhas dicas de Amsterdam

  1. Angelita disse:

    Bila, de fato as dicas são as melhores.
    Seguimos a risca, inclusive o Hotel.
    Para quem gosta de Tulipas ou flores em geral, sugiro uma visita ao Parque de Keukenhof (+ ou – 50min de carro). Mas deve ser na primavera, preferencialmente em maio. Fomos em abril e muitas flores ainda não haviam desabrochado.
    Fica mais uma dica.
    Beijo

    Curtir

  2. Carol disse:

    A irmã metida indica ainda:
    1) A cervejaria Brouwerij ‘t IJ
    2) Um passeio em Zaanse Schans (onde eu comprei aquela mostarda com balsâmico do dia das mães)
    3) subir no Nemo, que tem uma vista maravilhosa (ou na biblioteca pública, onde almoçamos).
    Se não tiver lugar no Chic and Basic, sugiro o B&B “La Festa”, numa região maravilhosa e super baratinho!
    Beijos!
    Carol

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s