Organizando uma road trip eno-gastronômica pelo Uruguai

Nesse último Carnaval fizemos uma road trip eno-gastronômica pelo Uruguai. Nosso objetivo era conhecer as bodegas da região de Canelones (Montevideo) e Maldonado (Punta), assim montamos base em Montevideo (4 noites) e Punta del Este (4 noites). Tá aí nosso roteiro e aqui a lista completa dos vinhos degustados por nós nessa viagem:

 

Dia 1:  pernoite em Montevideo

Almoço e visita à Bodega Bouza, que fica 18km do centro de Montevideo, na Ruta 5, Camino de la RedenciónA vinícola é linda e o restaurante é muito bom, mas como estava lotadíssimo, comprometeu bastante a qualidade do serviço. Reservamos o horário das 14h30 e acredito que se tivéssemos reservado um horário mais cedo, a experiência teria sido mais bacana. Valor aproximado: US$ 75 por pessoa. Vinhos destacados: Albarinho 2014, Montevideo (corte de TannatMerlot e Tempranillo) e os vinhos parcela única (3 varietais: TannatTempranilloMerlot).

Reservas: visitas@bodegabouza.com




 Vista da área externa do restaurante da Bouza




Pavão misterioso entre as mesas do restaurante 


Nesse mesmo dia, vale a pena agendar visita nas bodegas Antigua Stagnari e H. Stagnari, que ficam na Ruta 5, próximas à Bouza. Nós chegamos de surpresa e acabamos conseguindo fazer uma degustação express, por gentileza do staff da Antigua Stagnari, mas recomendo que seja feita reserva com antecedência. H.Stagnari tem o Tannat mais premiado no mundo, o Viejo, facilmente encontrado nos supermercados uruguaios.

Reservas: turismo@stagnari.com

 

Dia 2: pernoite em Montevideo

Almoço campestre na Bodega Artesana, que fica a 40 km do centro de Montevideo, na Ruta 48, km 3,600 (seguir pela Ruta 5 e depois pela Ruta 36). Artesana foi um dos pontos altos da viagem, uma experiência incrível ser recebida pelas enólogas Analia e ValentinaO almoço é uma autêntica parrilla uruguaia preparada pelo Martin, noivo de Valentina, acompanhado do portfolio completo de vinhos da Artesana, única a cultivar a uva Zinfandel no Uruguai. Destaques: todos os vinhos são excepcionais! Valor da experiência: 900 pesos uruguaios.

Reservas: turismo@artesanawinery.com




Almoço na Artesana, com vista para o vinhedo




Chegamos uma semana antes da colheita!



Vinhos fantásticos da Artesana 

Meu preferido da Artesana!


Dia 3: pernoite em Montevideo

Fizemos um bate-volta até Colonia del Sacramento, que fica a 180km do centro de Montevideo. Caso disponha de mais tempo nessa região (pelo menos uma pernoite), vale a pena programar visitas às bodegas da região de CarmeloNarbonaEl Legado e Familia Irurtia. Opções para almoço ou pernoite: Posada Campotinto e Narbona Wine Lodge.




A emblemática Calle de los Suspiros em Colonia

Dia 4: pernoite em Punta

Deslocamento para Punta, que fizemos pelo litoral, passando por Atlantida e Piriápolis. Por dificuldade de comunicação com a Mariana, proprietária da bodega Viñedo de los Vientos, não conseguimos agendar o almoço e degustação na bodega. Uma pena… O endereço da bodega é Ruta 11, km 162, Estación Atlántida (a 50km do centro de Montevideo em direção à Punta).

Reservas: info@vinedodelosvientos.com

 

Dia 5: pernoite em Punta

Picnic entre os olivais na Colinas de Garzóndistante cerca de 70km de Punta (valor da experiência: 85 dólares por pessoa). Além do picnic, há outras experiências disponíveis na fazenda de oliveiras: degustações de azeites e vinhos, passeios de bike pela fazenda, almoço típico uruguaio e até vôo de balão! Antes de chegar na Colinas de Garzón, fizemos uma visita ao Pueblo Garzón, um povoado super pequeno e auto-denominado slow town, onde a recomendação é apreciar tudo com calma e tranquilidade. Como o picnic era à tarde, aproveitamos pra fazer um lanche/almoço na filial do Colinas de Garzón no pueblito, inaugurada há pouco. Há outras duas opções gastronômicas em Garzón: El Molino (restaurante super simpático e ace$$ível) e o restaurante do aclamado chef patagônio Francis Mallman (carí$$imo!). 

Reservas: reservas@colinasdegarzon.com




Picnic gourmetizadíssimo!

Aqui acontecem as degustações

Dia 6: pernoite em Punta

Visita e degustação na bodega Alto de la Ballena. Fizemos a prova de vinhos mais completa, que conta com os 6 vinhos do portfolio da vinícola (valor: 46 dólares). Quem nos recebeu foi a Paula, a proprietária, que deu uma verdadeira aula sobre cepas, solo, irrigação e manejo de vinhedo (me senti num programa do Globo Rural!). A bodega fica a 30km de Puntana região da Serra de la Ballenano Alto da Laguna del Sauce (Ruta 12km 16,400). Destaques: corte de Tannat e ViognierMerlot (queridinho da Paula) e o Syrah (o Cetus, cujo rótulo é o olho de um cetáceo). Aproveitamos pra almoçar no Pueblo Éden, também slow town, no único e excelente restaurante da cidade, o Posta de Vaimaca. Na região de Pueblo Éden fica a Finca Babieca, fazenda produtora de azeites muito conceituada no país – visita que também ficará para nossa próxima ida ao Uruguai!

Reservas: info@altodelaballena.com

 



Os vinhedos (exceto Shyraz) da Alto de la Ballena 



O Shyraz fica no alto, na região mais pedregosa do terreno

 Almoço no Vaimaca, em Pueblo Éden

 

Dicas gerais:

 

1. As estradas uruguaias são absolutamente excelentes! As grandes rodovias são duplicadas e tudo é muito bem sinalizado. O google maps dá conta do recado. Os pedágios aceitam pesos, reais e dólares.

 

2. Não esqueça de reservar o carro com antecedência. O aluguel é caro (nosso Jetta nos custou 900 dólares por semana), mas como o carro é essencial, não tem como escapar desse custo. Alugamos na Europcar!

 

3. Onde ficar em Montevideo? Ficamos em Punta Carretas (ótimo bairro), no Hotel Dazzler. O hotel é novo e as instalações são boas, mas o serviço foi dos piores – talvez por estar totalmente lotado com cinco equipes de hóquei feminino.

 

4. Onde ficar em PuntaPunta não tem muitas opções de hotel, então o ideal é alugar um apartamento. O nosso era na Playa Brava, pertinho do Monumento de los Dedos, ótima localização. Procure opções no Homeaway ou no Airbnb.

 

5. Ao comprar com cartão de crédito emitido fora do Uruguai, o cliente tem o reembolso integral do IVA (que é o ICMS deles, cuja alíquota depende do tipo do produto). Se a bandeira do cartão for Visa, o estabelecimento cobra o valor já descontado do IVA. Se for Master, a devolução vem na fatura do cartão. Sabendo disso, usei somente o Visa.

 

6. Em Punta tinha muita promoção (20%, 25%, 30% de desconto) para cartões de crédito do Itaú (emitidos em qualquer país) e Santander (emitidos no Uruguai).

 

7. Restaurantes em Montevideo: Francis, La Perdiz, Casa Violeta, Burlesque, Tandory, Rara Avis (dentro do teatro Solis), Fonda del PuertitoBarba Roja. Fomos em alguns destes, outros são indicações de amigos que moram/frequentam a cidade.

 

8. Em Punta jantamos todos os dias no apartamento, cozinha internacional maravilhosa do Chef Caio! As compras fazíamos no supermercado Disco (Avenida Roosevelt) ou no super que fica dentro do Shopping Punta. Os mariscos comprávamos nas peixarias do porto. Uma ótima opção de restaurante perto do Porto: Lo de Tere.

 

9. Os vinhos compramos nas bodegas, no supermercado Disco e na Gorlero Wine Shop (em Punta, no início da avenida Gorlero). No free shop não tem muita variedade de vinhos, mas os preços são bons e tivemos sorte de pegar uma promoção “leve 4 e pague 3”.


Buen viaje!

 

Creditos das imagens: bemsortido 

Anúncios

4 comentários sobre “Organizando uma road trip eno-gastronômica pelo Uruguai

  1. Patricia disse:

    Olá!
    Adorei seu post e estou querendo fazer algo parecido em out/2017.
    Mas tenho uma dúvida com relação ao aluguel do carro e degustação de vinho nas vinícolas. É tranquilo beber e dirigir no Uruguai?

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s